Obstrução uretral em gatos, você já ouviu falar?

A obstrução uretral se caracteriza pela interrupção do fluxo de urina, essa interrupção pode ocorrer devido a vários fatores como: cálculo urinário, cistite, plugs uretrais, tumores, e até mesmo devido ao estresse. Essa obstrução ocorre com maior frequência em machos por terem a uretra longa e estreita.


Quais os sinais?


Dificuldade e dor ao urinar, urinar fora da caixa de areia, urina em pouca quantidade, tentativas frequentes em urinar, vocalização, urina sanguinolenta, lambedura da genitália e perda de apetite.


Diagnóstico e tratamento:


O diagnóstico da obstrução se baseia em exames clínicos, exames complementares e histórico do paciente. Após o diagnóstico, o início do tratamento deve ser imediato, esse tratamento consiste na desobstrução do felino e na utilização de medicamentos como: analgésicos, antibióticos, anti-inflamatórios, podendo ou não ser utilizados outros medicamentos que podem auxiliar na recuperação do pet.


Qual a melhor forma de prevenir?


Faça com que o seu felino beba mais água; espalhe vários potes pela casa, utilize vasilhas largas para que eles não encostem o bigode na borda da vasilha, pois podem ficar incomodados. Os gatos preferem água fresca e corrente invista em bebedouros, deixe a vasilha de água um pouco longe da de alimentação e forneça ração úmida!

Mantenha a caixa de areia sempre limpa e pratique também o enriquecimento ambiental, temos um post sobre no nosso ‘blog’!


Atenção!


Em poucas horas já de obstrução a bexiga do felino fica cheia e os rins por consequência ficam com um grande acúmulo de urina prejudicando suas funções. A obstrução é um quadro clínico emergencial e pode resultar em um sério comprometimento da saúde do seu animal.


Encontrou sua resposta?